Buscar
  • Ascom Sintesam

E DAÍ, BOLSONARO?! REPUDIAMOS SUA POSTURA

O Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Superior do Estado do Amazonas (Sintesam) vem a público manifestar total repúdio às atitudes do Presidente da República, Jair Bolsonaro (sem partido).

Foto: Adriano Machado/Reuters

Diante da pandemia que o mundo enfrenta, causada pelo novo coronavírus (Covid-19), mais de 220 mil pessoas já morreram vítimas da doença em todo o planeta. No Brasil, mais de 5 mil mortes já foram confirmadas de pacientes com Covid-19 e cerca de 80 mil pessoas enfrentam a doença em nosso país. Em meio à precariedade do sistema de saúde, muitas acabam morrendo em casa. Na última terça-feira (28), ao ser questionado pela imprensa sobre o fato de o Brasil ter ultrapassado a China no número de mortes, Bolsonaro disparou “E daí? Lamento, quer que faça o quê? Eu sou Messias, mas não faço milagre”. É desumano, imoral e desrespeitoso que um presidente da república, chefe de Estado, venha a público fazer tal declaração. Mais de 5 mil pessoas perderam suas vidas, deixaram famílias a entes inconsoláveis por conta da doença. Bolsonaro não mostrou nenhum respeito a essas famílias e aos milhares de brasileiros que têm enfrentado o problema. É inadmissível que um chefe de Estado insista em minimizar e desdenhar de um problema tão sério, contrariando as recomendações dos órgãos mundiais de saúde, incentivando e fomentando aglomerações de pessoas, enquanto o mundo todo está praticando o distanciamento social. Bolsonaro defende que a economia do país não pode parar. O dinheiro vale mais que a vida humana? “E daí? Lamento, quer que faça o quê?”. Bolsonaro, que tal... • Construir hospitais; • Comprar os respiradores necessários; • Ampliar e equipar as Unidades de Terapia Intensiva (UTIs); • Proteger os profissionais da saúde, com Equipamentos de Proteção Individual (EPIs); • Pagar o auxílio emergencial, amparando os mais afetados pela crise econômica; • Respeitar o sofrimento e luto das famílias que perderam alguém; • Respeitar a vida humana; • Parar de causar aglomerações; • Respeitar as recomendações dos órgãos de saúde; • Parar de dar declarações absurdas e tomar providências; • Agir como um chefe de Estado. É isso que queremos que faça. Isso é o mínimo que os brasileiros esperam de um presidente da república, alguém que respeite nossa nação e faça sua parte para proteger o bem-estar e a vida das pessoas que vivem em nosso país. Nosso repúdio total às atitudes de Jair Bolsonaro!