Buscar
  • Ascom Sintesam

BOLSONARO ATACA NOVAMENTE A AUTONOMIA DAS UNIVERSIDADES



O Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Superior do Estado do Amazonas (Sintesam) repudia totalmente a edição da Medida Provisória (MP) 979/2020, que trata da indicação de reitores (as) e vice-reitores (as) de universidades e institutos federais.


De acordo com a MP, não haverá processo de consulta à comunidade ou formação de lista tríplice para escolha de dirigentes das instituições de ensino durante o período de calamidade sanitária, causada pela pandemia de Coronavírus (Covid-19). Sendo assim, a indicação de reitores (as) será feita pelo Ministério da Educação.


Sabemos que existe uma clara tentativa de intervenção em nossas universidades. O mais grave disso é que a medida fere a Constituição Federal de 1988, que garante autonomia às instituições públicas.


Através de nossa federação, como representantes de profissionais da educação, repudiamos e lutaremos jurídica e politicamente para a suspensão desta medida inconstitucional.


Não ao autoritarismo!

Em defesa da autonomia das universidades!


Coordenação Executiva do Sintesam