Buscar
  • Ascom Sintesam

SINTESAM ENTRA COM AÇÃO CONTRA MEDIDA QUE SUSPENDE BENEFÍCIOS E ADICIONAIS DE SERVIDORES (AS)

O Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Superior do Estado do Amazonas (Sintesam) entrou com uma ação judicial contra a Instrução Normativa (IN) 28/2020, que permite a suspensão de pagamento de benefícios. A IN inclui auxílio-transporte, adicional noturno e adicionais ocupacionais (insalubridade, periculosidade, irradiação ionizante e gratificação por atividades com raios X ou substâncias radioativas).


Imagem: Reprodução/Internet

De acordo com a Instrução Normativa, servidores (as) que estão em isolamento social podem ter seus benefícios suspensos. A ação judicial contra a IN foi protocolada pela assessoria jurídica do Sintesam no dia 4 de maio, sendo encaminhada à 3ª Vara Federal da Seção Judiciária do Amazonas.

Segundo Auxiliadora Bicharra, advogada do Sintesam, foi reiterado que a situação vivida pelos (as) servidores (as) é excepcional. Além disso, muitos (as) servidores (as) estão em trabalho remoto. “A IN 28/2020 padece de vício formal, não podendo dispor sobre regime jurídico dos servidores públicos e sua remuneração, violando o princípio da legalidade”, afirmou a advogada.


Leia a Instrução Normativa Nº 28/2020 na íntegra.

Sindicato dos Trabalhadores do Ensino Superior do Estado do Amazonas (SINTESAM)

Rua Francisco José Furtado, nº 9, São Francisco

sintesam@gmail.com

Telefone: (92) 3663-1232

  • Facebook - Círculo Branco
  • Instagram - White Circle
  • Twitter - Círculo Branco